Sunday, 13 February 2011

Não é desta...

unknown
Apaguei o número dele, não sei se foi a coisa certa a fazer, mas antes que tenha algum tipo de impulso parvo, decidi apagar os vestígios e deixar apenas o sonho (foi lindo) e ficamos por aí! 

Já sei é orgulho besta e podia ligar e fingir dizer que a culpa é minha, pedir desculpas e contar a verdade...Não me apetece! Se foi o meu príncipe encantado que mandei da janela, então que assim seja...

4 comments:

mari said...

eu tive (tenho) tantos impulsos desses ... e se for mesmo o teu príncipe encantado, não sairá nem pela janela, nem pela porta ... ;)*

Emma said...

Pois, eu também tenho de me prevenir contra os meus próprios impulsos... Acho que fizeste bem. E sei que não conheço a estória mas, sinceramente, é difícil que ele seja o teu príncipe encantado. Se fosse, acho que o orgulho deixava de ter um papel tão importante. Mas volto a dizer, como não sei nada do assunto, não ligues muito ao que digo, pode não ser verdade. Just trying to help :)

Raquel said...

Não sei do que se trata, mas admiro pessoas com determinação!
Se realmente ele for o teu príncipe, vocês vão acabar por se entenderem.
Se não for, por vezes a vida fecha-nos uma porta e abre-nos um portão.
Mais tarde ou mais cedo acabas por descobrir qual foi a hipótese que a vida te deu.
Boa Sorte =)

Blair Randall said...

mari =)

Emma, é completamente verdade aquilo que tu dizes e a estória não é longa por isso acho que já estou recuperada do choque =)

Raquel espero que seja mais cedo e não sou muito fã deste tipo de determinação, perdemos sempre quando colocamos o orgulho à frente da paixão/amor =)

xoxo